fotonovelas

Fotonovela - Passo 5

Cara D.,

O quinto passo do ensaio é a escrever o roteiro final e sobre as percepções pessoais acerca da experiência, porém não posso me expressar por todo o grupo em minha fala, apenas represento a opinião geral, já que fui incumbida de escrever e publicar os textos do trabalho.

- A experiência:

Nosso primeiro desafio foi montar o tabuleiro e organizar o cenário das fotos. Depois de pronto, o nosso segundo desafio foi organizar as luzes, de forma a criar a  sensação de continuidade no horizonte do tabuleiro. Dispomos os dois maiores bonecos no meio para destacar que são os líderes e dividimos o espaço entre o exército cinza e o marrom.

Intitulamos a primeira foto de “O campo de batalha”, uma vez que sua função na história é contextualizar do espectador. Nela o maior desafio foi minimizar a aparição das bordas da mesa e transparecer o clima de divisão e intriga entre as duas partes.

A segunda, chamada “Líderes”, teve como objetivo evidenciar os chefes de cada gangue, assim como mostrar um clima de diálogo, ou melhor, discussão, entre os dois. Os bonecos ao fundo acabaram por ajudar no clima de intriga, uma vez que parecem estar gritando em incentivo ao líder e rechaçando os inimigos. Nesta, diminuimos o valor de abertura, com sugerido por Stéphany Borges, para que o vermelho ficasse mais intenso que na primeira foto. Com o aspecto espinhoso dos bonequinhos conseguimos criar a sensação de textura.

"Fight", a terceira foto foi feita com a ajuda de Rodolfo Paes, que escreveu a palavra utilizando a técnica de light painting. Utilizamos o obturador no modo Bulb para que ele pudesse escrever a palavra sem pressa. A gelatina azul foi escolhida para contrastar com o vermelho do laser. Fizemos mais duas tentativas, porém a primeira nos agradou mais.

"Confronto" é a quarta fotografia da sequência, em que bagunçamos o cenário e aproximamos os bonecos para dar a sensação de ação. O plano mais próximo e o ângulo mais perto da altura dos bonecos teve o objetivo de imergir o espectador na luta e criar a sensação de perspectiva. Utilizamos uma gelatina roxa e, por motivos desconhecidos por nós, seu efeito na foto foi de um degradê entre o rosa e o azul, o que nos agradou bastante.

A quinta fotografia, intitulada “Dinos, foi realizada em um leve plongée pra que se tivesse a sensação de ataque dos dinossauros maiores. A gelatina verde foi usada para dar um clima de apocalipse zumbi (tendo como referência a fotografia do seriado norte-americado The Walking Dead). 

Para fotografar o quinto momento da história, “Contra-ataque”, utilizamos uma lente 50mm fixa, pois como é a foto da reviravolta na história, decidimos dar uma textura diferenciada a ela. Para obter o tom de laranja da iluminação, utilizamos uma gelatina amarela e uma vermelha. Escolhemos um ângulo mais frontal e um plano mais próximo para chamar a atenção do espectador para a união dos bonecos, que se juntam contra um mal maior, assim como para enfatizar a cabeça virada para cima dos dinossauros, o que dá um ar de sofrimento deles.

"Extinção" é o título da última foto, na qual realizamos outro light painting, dessa vez para desenhar o meteoro que destruiu todos os zumbis e dinossauros. Eu desenhei a bola de fogo maior e Jéssika os meteoros menores. Viramos os dinossauros de barriga para cima e derrubamos os zumbis para explicitar que estavam mortos. Utilizamos a luz de cabelo ligada por um período curto, como se fosse um flash, para iluminar os bonecos sem descolorir o desenho da luz vermelha.

Fotografar miniaturas pela primeira vez foi, ao mesmo tempo, desafiador e muito divertido. Os fatores dos movimentos limitados dos bonecos e suas expressões fixas foram os que me limitaram, assim como os que me incentivaram a pensar as composições com mais criativamente. Particularmente, eu gostei bastante da experiência e pretendo realizar outros ensaios, não só com miniaturas, como também com a temática de fotonovela. 

- Roteiro Final:

No ano de 15.534, um mundo pós-apocalíptico é dominado por zumbis dinossauros. Com tecnologia limitada, porém com um certo nível de raciocínio lógico e divisão social e dominando as raças de dinossauros menores, eles se diferenciam em gangues de raças rivais que visam a dominação mundial e hegemonia de sua raça.

Batalhas ferozes foram travadas entre as facções zumbis até que, finalmente, apenas as duas mais poderosas restaram. Com uma tentativa falha de cessar fogo, deu-se início a batalha final.

Em meio ao embate, o inesperado acontece: dinossauros monstruosos surgem para destruir a todos e tomar as terras que uma vez já foram suas. Com essa situação, as gangues se juntam contra o mal maior, entretanto não imaginavam que um mal ainda maior aconteceria: o fim do universo tal como conheciam.

Porém, a história não se passava de um mero jogo entre amigos.

Ana Domitila Silva.

El jueves pasado, en la presentación de @pablocurto, le hice esta foto tan chuli a @joserodari.
La cosa es que hoy he estado pensando que, si al final esto de la moda no me funciona, me puedo montar un chiringuito de pollo al horno, o dedicarme a la fotonovela, así con mucho drama y con mucha picazón… La foto la controlo un poco y el drama ya me viene de serie… Así que yo que sé, o un programa de radio “cuéntaselo a Ales” o videos a lo Eva Nasarre, o montando bicis…
Aii!
Qué ganas te tengo, 2015…
#vsco #vscocam #mariahcarey #lospanchos #loschunguitos

Cristina Pedreira
Arañazos Pálidos Vol.I
(2014)
Edited found photographs on 55 gsm standard newsprint, 28.9 x 38 cm, Edition of 10


Arañazos Pálidos Vol.I is a fictional narrative, a compilation of once discarded snapshots, cropped and rearranged on newspaper print. Arañazos Pálidos Vol.I is inspired by the tradition of fotonovelas, but unlike those, text is absent in the publication and only fragmented images fill the pages.

Zumbis X Zumbis X Dinos

image

f/13; 1/125s; ISO-100; 52mm - Ana Domitila

image

f/16; 1/125s; ISO-100; 200mm - Ana Domitila

image

f/14; 32s; ISO-100; 29mm - Lohanne Assis

image

f/8; 1/125s; ISO-200; 28mm - Ana Domitila

image

1/125s; ISO-100; 46mm - Ana Domitila

image

f/8; 1/125s; ISO-100; 50mm (fixa) - Ana Domitila

image

f/29; 14.2s; ISO-100; 46mm - Lohanne Assis

Ana Domitila Silva.

Bônus:

image

Fotonovela - Passo 3

Cara D.,

No dia 08/11 decidimos um roteiro inicial antes de fotografarmos, a ser complementado ao longo da execução das fotos.

Pensamos em realizar as fotos em estúdio (mesa de still):

- Foto 1: Composição horizontal, enquadramento em Plano Conjunto para contextualizar a polarização da batalha em duas gangues de raças distintas de zumbis e gelatina avermelhada para dar clima de violência e intriga.

- Foto 2: Detalhe e textura, enquadramento em Plano Próximo com elementos ao fundo para contextualizar os “exércitos” e destacar os líderes da multidão, gelatina avermelhada para enfatizar o clima da primeira foto.

- Foto 3: Light Painting para destacar o estopim da batalha, enquadramento em Plano Conjunto para contextualizar os “times” e gelatina azulada para criar contraste com o vermelho do light painting e com os tons vermelhos das primeiras fotos.

- Foto 4: Perspectiva para imergir o espectador na batalha, enquadramento em Plano Próximo para contextualizar o clima de batalha e gelatina roxa para destacar o clima de desespero e sanguinolência.

- Foto 5: Composição para conduzir o olhar do espectador de forma zenital, enquadramento em Plano Próximo para enfatizar a diferença de tamanhos e gelatina verde para dar um clima de terror.

- Foto 6: Composição diagonal para dar um ar de desespero dos dinossauros e dominação dos zumbis, enquadramento em Plano Próximo para imergir o espectador e gelatina laranja para enfatizar o clima de batalha e criar um contraste com o verde da fotografia anterior.

- Foto 7: Light Painting para desenhar o meteoro, enquadramento em Plano Próximo para enfatizar o detalhe dos bonecos “mortos”, sem gelatina para prevalecer a cor vermelha da luz utilizada para desenhar com a luz.

Tínhamos que tentar utilizar uma técnica em cada foto, porém, como não planejamos com muita antecedência, não houve tanta variedade.

Ana Domitila Silva.

Fotonovela - Passo 2

Cara D.,

O segundo passo do trabalho era uma pesquisa fotográfica na qual pudéssemos nos embasar para realizar as fotos propostas:

Andrew White foio primeiro nome que surgiu em minha mente quando Lohanne sugeriu os bonecos de ação. Com suas fotografias mega-fofas de um bonequinho de lego aventureiro, esse fotógrafo me chamou a atenção para fazer parte das referências deste ensaio.

https://www.youtube.com/watch?v=PimIOvFKPPE

Jan Svankmajer, que conheci através de Stéphany Borges, por ser seu diretor predileto, também entrou na minha lista de referências, pois entendi essa atividade como um stop-motion de menos cenas. Suas peças são absurdamente envolventes e inteligentes. As minhas favoritas são: Flora e Jabberwocky.

https://www.facebook.com/PixarToyStory/photos/a.10150658472629130.409175.10498014129/10150658472644130/?type=1&theater

Apesar de não ser meu filme favorito, Toy Story me chama a atenção por contar sobre brinquedos vivos que fingem ser inanimados para alegrar crianças. Decidi colocar este filme nas referências deste trabalho, porque planejamos fazer algo num sentido próximo.

Ana Domitila Silva.

Referências:

https://www.facebook.com/Legography

http://pt.wikipedia.org/wiki/Jan_%C5%A0vankmajer

http://pt.wikipedia.org/wiki/Toy_Story

Fotonovela
  • Cara D.,
  • Como último exercício para complementar a N2, a professora nos designou um ensaio fotográfico no qual contássemos uma história com o auxílio apenas das imagens produzidas, sem legendas ou subtítulos.
  • Integrando meu grupo somos:Jéssika Olieveira, Lohanne Assis e Pedro Oliveira.
  • Passamos uma semana quebrando a cabeça para decidirmos qual história iríamos contar, até que finalmente a Lohanne nos deu uma luz e sugeriu que fizéssemos algo com os bonecos de ação de um jogo chamado do amigo do irmão dela e com bonecos de dinossauros que seu irmão tinha em casa. Topamos a ideia e, na segunda-feira (08/11), nos reunimos para decidir o passo 1 do trabalho:
  • - Tema:Zumbis X Zumbis X Dinos
  • Decidimos utilizar o jogo Zombicide:Prison Outbreak para embasar nossa história, acrescentando os bonecos de dinossauros para criar uma reviravolta. A escolha das miniaturas foi um desafio, uma vez que não se tem controle das articulações e expressões destes, então optamos por fazer uso de gelatinas coloridas para climatizar as cenas.
  • - Roteiro:Duas gangues de zumbis se enfrentam. Os dois lados sofrem perdas e a batalha parece não ter fim. Dinossauros gigantes surgem atacando sem discrição de lados. As gangues se unem contra um mal maior. Uma bola de fogo cai do céu e extingue todos. A história se passou durante um jogo de tabuleiro entre amigos.
  • Ana Domitila Silva.