Watch on jacquelinefreeman.tumblr.com

Andy Warhols short film featuring Ann B, consisting of a screen test. 

I had first seen this video in class last year and I dont know why I havent posted it sooner. It is absolutely brilliant! 

The camera situated directly infront of Ann B’s face. She is perfectly still through out the duration of the short film simply staring ahead. Making us as an audience feel some what uncomfortable due to the fact that we are expecting something more and anticipating some form of action. 

Andy Warhol then captures the simplicity of the tear. She sheads one tear. The fact that she is perfectly still through out the whole film make us notice every little thing. The formation of the tear, the twitches in her face, when she swallows , etc. Such a beautiful short film and done so naturally! 

The music is also great and fits in with the mundane feel of the film. This film can also be said to portray our obsession with excessive action and need for something more. In terms of cinema where we are dissatisfied if not enough action is revealed and do not appreciate the naturalistic view along with simplicity. 

Sometimes more is less and less is more. This being apparent in this film!

Eu me lembro como foi ver seu rosto pela última vez. E me despedir sem saber que seria neste dia que você iria, e me deixaria. Ah, se eu soubesse o que eu sei hoje… Nunca teria te deixado ir, nunca teria te soltado dos meu braços. Eu te aceitaria com todos os erros que cometeu, não ligaria. Não há nada que eu não faça para não ouvir sua voz novamente. Por que diabos eu te deixei ir? Eu acabei me machucando, por machucar você. Eu poderia até dizer que eu estava errado, apenas para te deixar no controle. Será que meu orgulho deixaria? É tão difícil saber que não irei mais te ver. Isso acaba comigo. Me destrói por dentro, mas talvez eu não admita. Eu gostaria de gritar para você, mas infelizmente lembro que você não iria ouvir. Você não estará lá quando eu precisar. Que falta você me faz. Você me desculparia se pudesse? Eu voltaria no tempo por você, e faria tudo certo desta vez. Te seguraria em meus braços e faria a dor ir embora, sim, eu faria. Oh, se você ainda estivesse aqui.
—  Blackwing-s | Tumblr
Eu acho que o amo, mas quem ama confia, e eu não confio em você. Você não fez nada pra que eu confiasse, por isso tenho medo de me iludir de novo. Desculpe por tudo que fiz você passar, desculpe por te iludir, e por ter te magoado. Eu te amei ainda amo, eu acho. Mas, já tô cansada de te machucar e de me machucar por isso. Chegou minha vez de te deixar ir, seja feliz, é tudo o que mais quero.
Ele se foi. Se foi sem dizer tchau, sem nem mesmo olhar para atrás. Apenas disse “estou indo” e realmente se foi. Ainda sinto sua falta, e falta de tudo que passamos juntos. Eu lembro de sempre cantar pra você “fica comigo então, não me abandona não”, e você sempre dizia e prometia que nunca iria, mas se foi.
As vezes me pego pensando em você e me sinto tão burra em acreditar que algum dia alguém realmente ficaria pra sempre ao meu lado. Eu sempre afastei as pessoas de mim e você foi só mais um. Desculpe se te magoei, mas você também me magoo. Porque mentir ? A verdade dói bem menos do que te perder. Eu te amei, eu te amo e vou te amar pra sempre, mesmo você não estando mais aqui, mesmo que meu coração parasse de bater, eu te amaria. Pois amor é pra sempre, ele não acaba e nem vai embora. Assim como você se foi.
- Desisto.- Ela disse. Respirou fundo e fechou os olhos. Sentiu as lágrimas descerem e com elas toda sua esperança. Sentiu como se nada mais valesse a pena, nem estudar, nem sorrir, nem comer, nem viver. Sentiu como se seus sonhos fossem quebrados de forma brusca e repentina. Ela não espera tal fato, mas o teve que viver.
E aquela linda menina decidia onde dar o tiro final.
- Cabeça, garganta, peito…- Dizia ela baixinho, decidindo onde seria seu tiro final. E então abriu os olhos e enxugou suas lágrimas com força. Sua maquiagem estava borrada. Mas ela não se importava mais. Enfim, criou forças, ou as faltou, pegou a arma e a mirou em sua testa e disse baixinho:
- Lá se vai mais uma triste e sofredora filha da puta. -
Ouve-se um barulho… O último som do desespero de uma linda menina que só precisava de um abraço.
Eles falam, eles xingam, eles batem, eles tratam mal, mas eles não sabem o quanto dói, o quanto machuca ouvir e sentir isso. Quando me vêem sangrar, me vêem com cicatrizes, se perguntam e me perguntam o por que … Mal sabe eles que o problema são eles, que a culpa é deles. Quando eu os trato igual eles só faltam me matar, dizem que dói e bla bla bla. Mas e quando é comigo? Eles acham que não dói? Que não tenho sentimentos? Mas cada um com seu cada um, vou aguentar até onde der, quando eu não aguentar mais, não quero que chorem, a culpa foi de vocês, não minha.
—  Blackwing-s - Pais, um problema.
Eu sorria mesmo sem ter motivos pra sorrir, eu sorria porque eu precisava ser forte, e eu sabia que tudo ia melhorar, tudo ia passar, não sabia quando isso ia acontecer, mas sabia que iria acontecer.
—  Blackwing-s | Tumblr
Eu amo
Eu quero
Eu sinto falta de
Eu desejo
Eu sonho com
Eu vivo pra
Eu beijo
Eu abraço
Eu odeio
Eu preciso de
Eu morro por
Não importa o que “Eu” faça, sem você pra completar não tem graça.
—  Blackwing-s | Tumblr
Text
Photo
Quote
Link
Chat
Audio
Video