I would imagine that everyone in Gryffindor gets annoyed when Sirius makes the Sirius/serious pun all the time, but like…he probably does it bc everyone would make it for him anyway so instead of getting annoyed about his name literally every 10 minutes he just OWNS it. Sirius Black y’all. Life goals. 

Eu estou bem, sério. De verdade. É que a madrugada parece que foi feita pra pensar, né? Aí você pensa na vida. Pensa no quanto já fez merda dentro dela. Pensa nas decepções. Nas perdas. Na saudade. Ah, cara… A saudade. Aí você começa a pensar naquela pessoa. No quanto a vida seria bem melhor se estivesse ao lado dela nesse momento. Deitadinho ao lado dela. Acariciando o rosto. Sentindo o cheiro. Observar ela dormir. Há quem diga que às vezes a saudade faz bem. Mas eu acho que na madrugada não faz.
—  Viabilizou-se.
Sim, eu quero o seu caos. Eu não quero excluir ele. Não mesmo. Eu só quero arrumar. Colocar todos os seus sentimentos arrumadinhos. Por ordem alfabética, por intensidade, por vontade. Tanto faz. Eu só quero arrumar. Fazer a limpa completa, sabe? E o principal: eu quero tirar todas as suas dores enquanto estiver cuidando e limpando o seu caos. Porque quando a gente cai na real, a gente percebe que não são pelos acertos que nos apaixonamos por alguém. São pelos erros. Pelo caos. Pela vontade de ir embora e perceber que a vontade de ficar é ainda maior.
—  Viabilizou-se.
2

Ve ben bu denli özlesem de affetmem artık, böylesine üzgün paramparça bırakılışımı tek bir kişiye borçluyum. Ben kendimi çok özlüyorum aslında, şimdi kendimi tanımaz bir hale geldim. Tanısam da bir köşede ölmüştür benliğim, bütün duygularım. Ben bu satırlara da kayboldum gittim. O orda kayboluşumu izlerken hiç elimden tutmadı. Tutmadan bırakmak gibi. Bir umut etmek ki, küçük çocuklardan farkım yok bazen. Bazı şeyler için öyle bir hevesleniyordum ki. Hevesleniyordum demek de ne kötü şimdi karamsar duygular içinde boğulup gittim. Yaşadığım siyah gökyüzünü mavi sanıp sevinmek gibiydi benim dünyam. O bulutlara ulaşmakta değildi benim hayalim seyretmekle de yetinirdim ben. Ki öyle bir gök kaldı ki bana hep yağmurlu. Seyretmek ne mümkün gözüne inen her bir damlada.

Eu te amo pra caralho. Eu te amo porque ontem fui dormir ouvindo sua respiração e acordei com você na cabeça. Eu te amo por todas essas nossas conversas durante a manhã, a tarde e a madrugada. Eu te amo por você sempre me dar “beijo de boa noite” antes de dormir. Eu te amo por suas caras e bocas e por esse seu jeitinho de arrumar o cabelo a cada 10 min. Eu te amo por essa loucura toda que a gente tem de sermos nós mesmos e nos amarmos por sermos nós. Atados. Eu te amo por essa sua carinha de sono e quando o vento bagunça seu cabelo e você fica mais linda ainda. Eu te amo por sempre querer dormir ao seu lado e nunca hesitar quando me pede um beijo. Eu te amo por esse lado durona que você tem, por esse pessimismo metido e por essa sua vontade de me fazer sorrir. Eu te amo quando você pega no sono e eu fico do lado de cá ouvindo você dormir porque sua respiração já basta. Eu te amo por essa nossa sintonia ser tão forte, que eu tenho vontade de largar tudo para te abraçar. Eu te amo por você ser quem você é e ainda me fazer ser uma pessoa melhor. Eu te amo porque eu nunca vou saber explicar o quanto te amo. Só porque te amo. Eu te amo quando me perguntam sobre nós e eu digo: estamos felizes. Está dando tudo certo. Eu te amo por tudo isso. E não quero nunca saber o quanto. Só quero mais. Ainda mais.
—  Viabilizou-se.